Escuta-se cada vez mais que Medellín se transformou em um centro de turismo de reuniões para a América do Sul. A posição de liderança dessa cidade na indústria das reuniões se reflete de diversas formas, por exemplo: ao ter sido escolhidos pelos chamados “prêmios Oscar do Turismo”, o World Travel Awards, como Melhor Destino para Reuniões e Conferências da América do Sul (2014 e 2015), como Melhor Destino de Escapada na América do Sul (2016), além de ter se posicionado como a cidade que mais cresceu no âmbito de turismo de eventos no continente americano nos últimos 9 anos, segundo o Ranking ICCA (Associação Internacional de Congressos e Convenções). Medellín está passando pelo seu melhor momento no que se refere à atração de importantes eventos nacionais e internacionais e, sem dúvidas, isso chama a atenção do mundo com ainda mais força à capital do departamento de Antioquia.

Bem, isso pode estar claro para os envolvidos no setor do turismo, mas o cidadão comum, que não necessariamente tem uma relação direta com esse tipo de temáticas, poderia se perguntar como esse reconhecimento internacional e crescimento acelerado em matéria de eventos e convenções poderia lhe beneficiar, assim como a sua família, a economia, seu ambiente imediato e, finalmente, a qualidade de vida dos habitantes da cidade.

Os benefícios são claros. Em primeiro lugar, vale a pena mencionar a visibilidade internacional. O fato de Medellín ser associada a referenciais positivos e de ser cenário para a realização de eventos de órgãos de destaque como as Nações Unidas (Fórum Urbano Mundial – 2014) supõe um impacto direto na imagem previamente deteriorada de Medellín perante o mundo.

O conhecimento gerado para a cidade é igualmente inestimável. Contar com especialistas internacionais em áreas especializadas da medicina, por exemplo, no Congresso Internacional de Câncer Cervical ou no Congresso Latino-americano de Sono não tem preço. Medellín avança no seu conhecimento, aprende com o mundo, com as suas melhores práticas e se mantém na vanguarda de diversas temáticas, que se refletem no desenvolvimento dos seus setores econômicos.

A afluência econômica é o terceiro aspecto relevante. As reuniões internacionais atraem, por predefinição, participantes internacionais. Esses visitantes chegam à cidade e, além de participarem no evento, hospedam-se em hotéis, usam transporte, consomem em restaurantes, fazem compras, etc. Isso gera diretamente emprego, impacto econômico e finalmente, qualidade de vida para os habitantes.

A aposta de Medellín pela indústria dos eventos como estratégia de desenvolvimento é real? Essa posição de liderança se reflete verdadeiramente no mercado? Basta observar os números: em 2016, graças ao Bureau de Medellín foram captados 87 eventos, representando mais de 120 % de crescimento com respeito aos últimos cinco anos (em 2011, fechou com 39 eventos).

A aposta de Medellín pela indústria dos eventos como estratégia de desenvolvimento é real? Essa posição de liderança se reflete verdadeiramente no mercado?

Dentre os renomados eventos que a cidade pode receber como centro de eventos na América do Sul, destacam-se: o Fórum Econômico Mundial – América Latina – (2016), o Congresso Global de Empreendimento GEC (2016) e a Assembleia da Organização Mundial de Turismo (2015), entre muitos outros.

Diversos fatores permitiram o sucesso da estratégia de Medellín na indústria de reuniões. Definitivamente, seu clima é uma vantagem diferencial. O calendário dos eventos está aberto durante os 365 dias do ano e não se limita às épocas de verão dos destinos com estações. O trabalho conjunto do setor público e privado permitiu gerar estratégias de forma integral, articulando as universidades, o setor empresarial e o setor público a fim de converter Medellín em uma ótima candidata para sediar eventos. Finalmente, a especialização da estratégia de captação de acordo com as vocações econômicas da cidade demonstrou ser um sucesso. Inovação, saúde, empreendimento e esporte fazem parte das temáticas nas quais Medellín possui uma importante trajetória e, por sua vez, transformam-se em eixos temáticos para orientar o rastreamento de oportunidades de captação.

A especialização da estratégia de captação de acordo com as vocações econômicas da cidade demonstrou ser um sucesso

Não há dúvidas de que o turismo contribuiu de forma significativa para o progresso da globalização em Medellín, bem como para o seu desenvolvimento econômico e de sua imagem internacional. É uma aposta que deixou seus frutos e que requer tanto ser mantida como fortalecida.