Manuel Cruz

Professor de Filosofia da Universidade de Barcelona / Espanha

É um dos mais renomados filósofos espanhóis contemporâneos. Professor de Filosofia na Universidade de Barcelona e porta-voz do PSOE na Comissão de Educação do Congresso dos Deputados. Também foi professor visitante de universidades europeias e americanas. Escreveu trinta ensaios filosóficos, obtendo os Prêmios Anagrama, em 2005 (Malas pasadas del pasado); o Espasa, em 2010 (Amo, luego existo); o Internacional de Ensayo Jovellanos, em 2012 (Adiós, historia, adiós); e o Unamuno, em 2016 La flecha hace blanco en la historia). Foi presidente do partido Federalistas de Esquerda na Catalunha, sendo um dos pensadores de referência dos jornais El País, El Confidencial e outros meios de comunicação. [Espanha].

Artigos publicados na UNO